-A A +A
Campus de Goiabeiras - Vitória

Histórico

As origens do Cine Metrópolis remontam ao Cineclube Universitário (mais tarde Cineclube Universitário Cláudio Bueno Rocha) organizado em 1974 por estudantes do Centro de Estudos Gerais, com sessões improvisadas em uma sala de aula. A partir de 1978, o Cineclube obtém apoio da Sub-Reitoria Comunitária e consegue bases permanentes para suas atividades, que incluem, a partir de 1979, a organização do movimento cineclubista no Espírito Santo que pretendia consolidar uma rede alternativa e democrática de cinema.

Em janeiro de 1992, após uma longa reforma em sua antiga sala, aquisição de novos equipamentos e uma nova proposta, o cinema da Ufes é reaberto como Metrópolis Cineclube. Em julho de 1994, nos 40 anos da Universidade, é inaugurada a nova sala do cinema, com capacidade para 240 lugares, localizada no Centro de Vivências do campus de Goiabeiras.

Por duas décadas, de 1994 a 2014, o Cine Metrópolis manteve sessões regulares de cinema com estreias semanais de filmes em 35mm. Seu foco de atuação sempre foi uma programação alternativa, baseada na diversidade de estilos, linguagens e nacionalidades. Durante anos, foi a única opção de cinema de arte na Grande Vitória.

Ao longo de sua história, o Cine Metrópolis também sediou mostras e festivais de cinema pioneiros no Espírito Santo, como o Vitória Cine Vídeo, desde a sua primeira edição, em 1994, e ao longo de sua trajetória de 21 anos; a Mostra Produção Independente da ABD Capixaba, que tem nove edições realizadas desde 2005; a Mostra Nacional de Direitos Humanos; Anima Mundi Itinerante; Mostravídeo Itaú Cultural; o Dia Internacional da Animação; além de realizar suas próprias mostras temáticas nacionais e internacionais.

A sala de cinema da Ufes é o espaço consolidado para as estreias de filmes de curta, média e longa-metragem produzidos no Espírito Santo, além de produções audiovisuais para a televisão e web. Diretores de diversas gerações, como Luiz Tadeu Teixeira, Cloves Mendes, Ricardo Sá, João Moraes, Gui Castor, entre outros, estrearam seus filmes em sessões especiais com sala cheia.

Na sua relação institucional com as esferas acadêmicas, o Cine Metrópolis acolhe projetos de exibição e debate audiovisual de diversos centros, como a Ecos Mostra, da Empresa Júnior de Comunicação Social; o evento Cinema pela Verdade, organizado pela Comissão da Verdade da Ufes; eventos do Núcleo de Estudos e Pesquisas Indiciárias; e a Mostra Ver Ciência, da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Recentemente, o cinema abriga as atividades dos projetos de extensão Baile, dos professores Gabriel Menotti Gonring e Erly Vieira Jr., e Uma História do Cinema Brasileiro, do professor Fábio Camarneiro; e a mostra semestral Próximos Olhares, todos do curso de Cinema e Audiovisual da Ufes.

O Cine Metrópolis também desenvolve, desde sua inauguração, um importante programa de formação de plateia e educação visual: o Projeto Cine Escola Metrópolis, aprovado em 2008 como projeto de extensão, que recebe turmas de ensino fundamental e médio de escolas de diversos municípios do Espírito Santo.

A programação regular, a realização de mostras especiais, a formação de plateia com o Projeto Cine Escola, o diálogo com os centros de ensino da Universidade e a promoção do cinema capixaba consolidaram o Cine Metrópolis como sala de cinema imprescindível à comunidade acadêmica, à comunidade em geral e à cadeia produtiva do setor audiovisual.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910